Coronavírius: MPT recomenda medidas de proteção para aprendizes, estagiários, empregados e trabalhadores

O Ministério Público do Trabalho (MPT) por meio da Coordenaria Nacional de Combate à Exploração do Trabalho da Criança e do Adolescente (Coordinfância) recomenda, por meio da Nota Técnica 05/2020, expedida nessa quarta-feira (18), medidas emergenciais de prevenção ao novo coronavírus (Covid-19) para assegurar a proteção de empregados aprendizes e estagiários, adolescente.

Entres ações recomendadas está a interrupção de aulas teóricas e atividades práticas de aprendizagem profissional e de atividades presenciais de estágio. "Os estagiários, aprendizes e trabalhadores adolescentes deslocam-se ordinariamente para os locais de trabalho, estágio e de aprendizagem profissional por meio de transporte coletivo, onde há alto risco de contaminação. É dever de todos prevenir a ocorrência de ameaça ou violação dos direitos da criança e do adolescente", alerta a nota.

Imprimir