• denuncias
  • peticionamento
  • Mediação
  • mov procedimentos
  • autenticidade de documentos
  • administracao publica
  • fraudes trabalhistas
  • liberdade sindical
  • meio ambiente
  • promocao igualdade
  • trabalho escravo
  • trabalho infantil
  • trabalho portuario
    • chega de trabalho infantil1
    • baner site eixos
    • protocolo administrativo tutorial 2018 a

    MPT aciona judicialmente a Usiminas para promover nova eleição do representante dos trabalhadores para o conselho administrativo da empresa

    Coronel Fabriciano - O Ministério Público do Trabalho (MPT) em Coronel Fabriciano pediu, em ação civil pública (ACP), ajuizada na última semana, que a Usiminas seja condenada a promover nova eleição do representante dos trabalhadores para o conselho administrativo da empresa, até outubro deste ano. Também são réus na ação o atual representante dos trabalhadores no conselho, Luiz Carlos de Miranda Faria e seu suplente, Edílio Ramos Veloso.

    Imprimir

    MPT recebe Caravana da Participação de Crianças e Adolescentes

    "A participação política acontece no nosso dia a dia, quando exercemos o poder sobre aquele (político) que ganhou as eleições, quando participamos de grêmios estudantis e conselhos", explicou a representante capixaba do Comitê Nacional de Adolescentes e Jovens na Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil (Conapeti) Lara Sardenberg, sobre a atuação do jovem nas questões políticas. Ela, junto aos representantes Erick Da Silva Oliveira, do Rio Grande do Sul, Felipe Caetano, do Ceará, Thiago Silva, de Santa Catarina, e Diego Honorato, de Minas Gerais, conduziram os debates na manhã dessa segunda-feira, 09, com o objetivo de ampliar e fortalecer a voz dos jovens em questões como o combate ao trabalho infantil, política e cidadania. Confira a galeria de fotos  do evento.

    Imprimir

    MPT e MPF acionam a União, o Estado de Minas e FAEPU por atraso em pagamento de salários

    Em pedido liminar o MPT quer o bloqueio mais de R$ 30 milhões

    Uberlândia - O Ministério Público do Trabalho (MPT) e o Ministério Público Federal em Uberlândia ajuizaram, nesta quarta-feira, 11, uma ação civil pública (ACP) pedindo liminarmente o bloqueio de R$31.094.944,64,para assegurar o pagamento de salários atrasados a 1.408 servidores do Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (UFU). 

    Imprimir

    • banner pcdlegal
    • banner abnt
    • banner corrupcao
    • banner mptambiental
    • banner transparencia
    • banner radio
    • banner trabalholegal
    • Portal de Direitos Coletivos