• PRTs em Minas
  • PTM Uberlândia
  • Em tempos de isolamento social, MPT apoia aplicativo que aproxima micro e pequenos empreendedores de serviços essenciais dos consumidores

Em tempos de isolamento social, MPT apoia aplicativo que aproxima micro e pequenos empreendedores de serviços essenciais dos consumidores

Uberlândia - Fique no Lar! No atual contexto de pandemia da Covid-19, a recomendação das autoridades sanitárias instigou pesquisadores e alunos do Instituto Federal do Ceará (IFCE) a desenvolver uma ferramenta para que micro e pequenos negócios permaneçam movimentando a economia em meio à crise provocada pela doença. Trata-se de uma plataforma digital totalmente gratuita que conecta fornecedores de serviços essenciais a consumidores, por meio do serviço delivery ou retirada de produtos.

A unidade do Ministério Público do Trabalho (MPT) em Uberlândia é um dos apoiadores do projeto. "Além da inserção de orientações de saúde e segurança do trabalho, estamos atuando na sensibilização de gestores municipais para que apoiem e divulguem o projeto", explica a procuradora do Trabalho Karol Teixeira de Oliveira. A plataforma é simples, de uso fácil, intuitiva, gratuita, sem intermediação de pagamentos e abre as portas para empreendedores que não conseguem entrar nas plataformas comerciais", enfatiza a procuradora.

O trabalho colaborativo atende o objetivo 8 da Agenda 2030 da ONU de promover o crescimento econômico inclusivo e sustentável, emprego pleno e produtivo e trabalho decente para todas e todos, o uso de modernização tecnológica, a promoção de políticas para geração de emprego, empreendedorismo, a proteção de direitos trabalhistas e promoção de ambientes de trabalho seguros.

Para apoiar a divulgação do aplicativo, pessoas físicas podem utilizar a #FiqueNoLar em suas publicações nas redes sociais. Governos Estaduais e Prefeituras, assim como entidades de interesse público, podem adotar gratuitamente o www.fiquenolar.com como plataforma oficial de divulgação e consulta de empreendimentos/negócios. Neste caso, é importante o contato via email (contato@lar.ifce.edu.br) para que seja habilitado um perfil para acompanhamento, enviadas orientações e sugestões de material para divulgação.

Disponível através da página web e/ou via aplicativo móvel na Play Store, o projeto conta, até o momento, com 3.000 empreendimentos cadastrados, em 20 Estados e 350 cidades, com mais de 19.000 acessos.

Para mais informações, clique aqui.

Número do procedimento: 000396.2020.03.001/3.

Confira os municípios que foram convidados pelo MPT a aderir ao projeto

Água Comprida, Carneirinho, Veríssimo, Campina Verde, Frutal, Campo Florido, Fronteira, Ituiutaba, Comendador Gomes, Planura, União de Minas, Conquista, São Francisco de Sales, Pirajuba, Araguari, Centralina, Ipiaçu, Cachoeira Dourada, Uberlândia, Prata, Delta, Monte Alegre de Minas, Iturama, Canápolis, Indianópolis, Itapagipe, Araporã, Sacramento, Conceição das Alagoas, Limeira Do Oeste, Tupaciguara, Santa Vitória, Estrela do Sul, Capinópolis, Cascalho Rico, Grupiara, Uberaba, Nova Ponte, Romaria, Gurinhatã.

Imprimir